WEB RÁDIO APAIXONADOS POR RÁDIO

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

ENTREVISTA COM DENISE CAMPOS DE TOLEDO

Confira a entrevista com a jornalista Denise Campos de Toledo.

QUEM VAI SUBSTITUIR A VIVI ?

A imagem pode conter: 1 pessoa  

Vivi se desligou da Clube fm de Ribeirão Preto no mês passado e com isso o locutor Renatinho vai substituindo no horário das 10 as 14 horas. 

Mais a Clube fm está procurando uma locutora para o horário e com isso a emissora recebeu bastante pilotos de locutores e locutoras. Com isso muitos nomes vão surgindo e muitos boatos vão surgindo mais nada oficial. A direção ainda está analisando cada gravação para bater o martelo e decidir quem vai para o horário .


Adriano.







segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

ENTREVISTAS DA SEMANA

Mais uma serie de entrevistas com o pessoal das rádios de são paulo.  Confira abaixo quem vai passar pelas lentes da nossa câmera.

Resultado de imagem para Thiago Uberreich

Amanhã :Thiago Uberreich da Rádio Jovem Pan

Resultado de imagem para denise campos de toledo

Quinta feira: Denise Campos de Toledo da Rádio Jovem Pan

ABERT ingressa no STF em ação do ECAD contra a Rádio Oi

A ABERT ingressou com pedido de amicus curiae (parte interessada) no processo em tramitação no Supremo Tribunal Federal (STF) que discute a cobrança, pelo ECAD, de direitos autorais supostamente devidos pela Rádio Oi FM. De acordo com a ação, a emissora reproduziu músicas de sua programação na internet o que, segundo o ECAD, cabe direitos autorais.

Segundo o ECAD, a Oi FM não possui autorização para execução musical em seu sítio eletrônico. Com isso, ela deve interromper as transmissões musicais, bem como efetuar o pagamento de parcelas mensais correspondentes ao percentual de 7,5% de toda a receita de publicidade obtida pela comercialização de espaços publicitários nos meios eletrônicos de divulgação.
Para a ABERT, a discussão do assunto é muito importante para a sociedade, mas, sobretudo, para o setor de radiodifusão. O desfecho do processo é considerado determinante para a liberdade de expressão e artística, do acesso à cultura e à informação no ambiente da internet.


"A ABERT espera subsidiar de forma determinante o debate do tema no STF, respeitando o direito autoral dos artistas, músicos e autores, essenciais para o desenvolvimento do serviço de radiodifusão, mas, acima de tudo, demonstrando que eventual cobrança, quando e se aplicável no ambiente virtual, deve guiar-se pelos princípios constitucionais da proporcionalidade, da razoabilidade e da isonomia, de modo a evitar cobranças arbitrárias e dissociadas do real e efetivo uso das obras musicais", afirma o diretor geral da ABERT, Luis Roberto Antonik.

Fonte: ABERT

quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

ENTREVISTA LEONARDO MÜLLER


Confira a entrevista que fizemos na Rádio Jovem Pan fm de São Paulo com o radialista Leonardo Müller.


Anitta é indicada em prêmio dos EUA que elege melhores da música nas rádios

Reprodução/Instagram/@anitta


2018 deve ser mesmo o ano de Anitta fora do Brasil. A cantora brasileira já começa com tudo como uma das indicadas em uma das categorias do iHeartRadio Music Awards, premiação que elege os destaques da música nas rádios dos Estado. Unidos 


Adriano.

segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

ENTREVISTAS DA SEMANA

Resultado de imagem para leonardo muller

O blog apaixonados por rádio volta do recesso e com novidades.

Neste mês de janeiro estaremos disponibilizando as entrevistas com os profissionais de rádio da cidade de São Paulo.


Amanhã ( 09 ) estaremos liberando para vocês a entrevista com o jornalista e radialista  Antonio Freitas do jornal da manha da Jovem Pan. 

A imagem pode conter: 1 pessoa, barba e área interna


Já na quinta feira ( 11 ) é a vez de Leonardo Müller da Rádio Jovem Pan. Mais uma vez quero agradecer a rádio jovem pan pela liberação dos profissionais para essas entrevistas!!

Adriano


Feliz 2018 a todos!!!














Unicamp e Anatel lacram porta da Rádio Muda com cimento

Denny Césare/Código 19



A Rádio Muda, que funciona no campus da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e é gerida pelos estudantes, foi lacrada na última semana. Uma foto da porta lacrada com cimento circulou nas redes sociais e os estudantes estão revoltados com a atitude porque ela foi feita durante o período de férias da universidade. Representantes da rádio, considerada “clandestina” pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), afirmaram que este foi o “ataque mais truculento da história da Rádio Muda”.

A lacração da Rádio Muda foi feita pela Anatel junto com a Unicamp na manhã do último dia 27 de dezembro, no meio das férias escolares. A ação foi para cumprir imposição do Ministério Público Federal (MPF), segundo a Agência e a universidade. Desde 2013, existe um Inquérito Civil Público que investiga a rádio, que não possui concessão de transmissão radiodifusora. A lacração já havia ocorrido antes em diferentes momentos da rádio.

VEJA FOTOS AQUI


Em 2014, por exemplo, os estudantes reocuparam a rádio após ser fechada em uma operação do Ministério Público Federal (MPF), com o apoio da Polícia Militar (PM). Em 2009, também ocorreu ação semelhante. Os programadores da Rádio Muda defendem a continuidade do projeto dizendo que a radiofrequência da estação não interfere na segurança aérea, um dos motivos apontados para que não seja concedida concessão de uso.

No dia 27 de dezembro, além de lacrar a porta da rádio, os agentes da Anatel também apreenderam os equipamentos utilizados nas transmissões. Outros objetos, como caixa de som e móveis, foram recolhidos por agentes de segurança da Unicamp.

A Anatel informou, em nota, que “a emissora em referência teve o sinal interrompido e equipamentos apreendidos em diversas ocasiões pela Polícia Federal, com o apoio da Agência, todavia a reincidência ocorre com frequência”. Além disso, a Agência informou também que “há procedimento instaurado no MPF de Campinas a fim de identificar e punir os responsáveis”

A UNICAMP


Segundo a universidade, os itens apreendidos passarão por checagem, para verificar se pertencem ao patrimônio da Unicamp. De acordo com nota oficial divulgada pela instituição, “aqueles que não estiverem patrinoniados serão encaminhados ao Setor de Achados e Perdidos, onde permanecerão à disposição dos proprietários pelo prazo de um ano.”

No site, a Rádio Muda informou que o ataque aproveitou-se “do período festivo e vazio no campus” e que a rádio é “livre” e “utiliza o espectro há mais de 30 anos, ocupando um lugar público, quebrando monopólios e difundindo o livre acesso e produção de comunicação”.


Fonte: Cidade On Campinas 

VIVI DEIXA A CLUBE FM DE RIBEIRÃO PRETO



Durante o nosso recesso muita coisa aconteceu. mais quem nos segue lá no face não ficou mau informado, sempre entravamos com plantões e sempre atualizado tudo o que acontecia. Com a Vivi não foi diferente, Vivi não faz mais parte da equipe de locutores da Clube fm de ribeirão preto. O anuncio foi agora pouco em seu Facebook




" Oi meus queridos! Boa noite!
Mudanças fazem parte da vida e a partir de agora não faço mais parte da grade de locutores da Clube FM. 

Agradeço a cada um dos meus ouvintes lindos, que me permitiu entrar na casa e vida de vcs ao longo desses 10 anos de Sistema Clube . Obrigada família e amigos pelo apoio de sempre , pois sem vocês não haveria sentido !! Amo todos! 
O ano de 2017 foi muitoooo especial, então não posso duvidar que essa mudança não esteja também nos planos de Deus. Ele sabe de todas as coisas pois não cai uma única folha de uma árvore sem o consentimento Dele.
Desejo um 2018 de luz e muitas realizações! Um beijo de gratidão...🙏🏻 E até breve!