domingo, 28 de abril de 2013

EPTV: Telejornais de Cara Nova


 



A partir de amanhã, os jornais da EPTV vão ao ar com uma série de novidades. Entre elas, mudanças nos cenários, na logomarca de abertura e nos nomes dos telejornais.
As duas edições exibidas pelas quatro praças da emissora afiliada da Rede Globo [Campinas, Ribeirão Preto, São Carlos e Sul de Minas] passam a ter um nome só: Jornal da EPTV.
Mas as novidades não param por aí. O “Bom Dia Cidade”, bloco local que entra na grade do “Bom Dia São Paulo”, da Rede Globo, terá novos quadros de utilidade pública.


Às segundas-feiras, vai ser exibido “Sua Chance”, sobre mercado de trabalho, e, às terças, “Simples Assim”, sobre culinária — ambos produzidos pela EPTV Campinas. Às quartas-feiras, será a vez de “Toque Tec”, produzido por São Carlos, que fala de tecnologia, e, às quintas, “Pode Perguntar”, sobre Previdência Social, realizado pela equipe de Ribeirão Preto. Às sextas-feiras, um quadro sobre cultura dá as dicas da agenda do final de semana e vai ser produzido por cada uma das praças. “As novidades abrangem todos os telejornais, menos os programas ‘Caminhos da Roça’ e ‘EPTV Comunidade’, que já passaram por mudanças recentemente”, informa Luciane Viegas, diretora-executiva de Jornalismo da EPTV.
Previsão do Tempo
A diretora ressalta ainda que a editoria de Esporte e a Previsão do Tempo ganham cenários próprios. Outro diferencial é que Ribeirão produzirá seu próprio quadro sobre meteorologia. As outras emissoras continuam recebendo a previsão gravada por Campinas.

“Com as mudanças, uma tela interativa também passa a integrar o estúdio para as notícias do dia a dia e para o esporte, além de contarmos com mais conteúdo gráfico”, diz Luciane. Para Ciro Porto, diretor-geral de Jornalismo da EPTV, o foco das mudanças é o telespectador, já que a meta é utilizar ferramentas que tornem mais clara a notícia.

“O cenário está mais convidativo e consegue trabalhar com uma sinergia maior entre os apresentadores, a tela interativa e infografia. A ideia é que a informação seja precisa naquele momento e que não reste dúvida para o telespectador”, explica.
Mais mobilidade e interação
Segundo Luciane Viegas, diretora-executiva de Jornalismo da EPTV, os novos cenários da rede, muito mais ‘clean’, também oferecem mais espaço aos profissionais. O objetivo foi retirar todos os elementos que atrapalhassem a mobilidade nos estúdios.

“São todas ferramentas que permitem explicar melhor a notícia para o telespectador. No Esporte, por exemplo, vai ser uma forma de deixar bem claro o que acontece num lance de futebol”, comenta.
Luciane ressalta que as novidades acompanham os novos tempos virtuais, que trouxeram uma mudança radical na participação do espectador no telejornalismo. Hoje, graças à internet, as pessoas comentam, informam e dão sugestões sobre reportagens enquanto o jornal está no ar.

“A velocidade é maior, então a resposta tem de ser mais rápida, com mais participações ao vivo e atualizações. Nós sentimos essas exigências, por isso aquela velha fórmula de se fazer jornalismo mudou”, argumenta.


FONTE: ARARAQUARA.COM

Nenhum comentário:

Postar um comentário