segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

OPINIÃO: JOVEM PAN SERTANEJO

 
 
 
Realmente a discussão é boa, até o próprio Tutinha falou em entrevista em um site que a mudança não vai ser bem vinda agora, mas que com passar do tempo todos vão agradar.
 
Acho que por mais que alguém seja o presidente de uma empresa e tenha a opção de fazer a mudança, acho que ele teria que consultar quem fez a rádio dele uma das mais conhecida do Brasil, e que da faturamento pra ele, que é a audiência, mexer em uma grade que está estagnada e não consultar esse público é muito arriscado perder esse público.
 
Nada contra o sertanejo, nada contra quem gosta também, eu particularmente gosto de sertanejo bem longe de mim, porém, respeito todos os gostos e espero que respeitem o meu também, sou ouvinte da Pan a uns 20 anos desde a chegada da Jovem Pan Araraquara 95.7mhz. Sempre tocou o que eu gostava de ouvir, a uns dias atrás me deparei com Simone e num sei lá quem cantando na Pan foi um balde de água fria, depois fiquei sabendo que o sertanejo estaria incluído na grade de programação da rádio. Alias, o blog Apaixonados do Rádio foi o primeiro a noticiar e mais de 2 mil acessos em menos de 24 horas, incrível.

Uma triste realidade pra quem acompanhou durante longos anos só música de qualidade, clássicos e lançamentos internacionais e tudo mais, parabéns a Pan pelos longos anos de muita música de qualidade, não ouço com tanta frequência mais, até por que 90% do Dial Brasileiro é sertanejo e aqui na minha cidade ( Araraquara ) ainda tenho duas opções de rádio sem ser sertaneja, a rádio Única Fm e Uniara Fm , ambas Flash Back.

Entendo perfeitamente o Tutinha Carvalho, mais pecou. Crise no rádio ? falta de cultura ? não sei, mais fica aqui uma pergunta, que rádio que não toca sertanejo em são Paulo ? hum ? Vou dar um exemplo de uma rádio que acompanho muito de perto, a Rádio Disney, se rendeu ao sertanejo em sua programação e é uma rádio jovem.


A imagem de rádio referência em pop, dance e Hits internacionais foi embora faz tempo ( minha opinião ), nunca mais nunca imaginei que viveríamos este momento em que a Jovem Pan tocaria sertanejo.

Me assusta ? não, apenas não gosto  do estilo da musica. A rádio já tocou axé nos anos de 1997 á 98 e se eu não me engano tinha um quadro que a Tina Roma apresentava das 11 ao meio dia só musicas de axé, só não recordo o nome do programa.


O que eu quero dizer com tudo isso ? simplesmente assim começar a executar a musica sertaneja na Pan eu vou mudar de estação. Não preciso ficar discursando ódio nas redes sociais.


Sem mais
Adriano Ferreira

adriano.radialista@bol.com.br