terça-feira, 1 de novembro de 2011

Bandeirantes AM denuncia rádio pirata que opera dentro da USP

A Bandeirantes AM 840 e FM 90.9 de São Paulo levou ao ar hoje uma matéria que revela a presença de uma rádio clandestina operando a partir da USP (Universidade de São Paulo). Trata-se da rádio Várzea FM 107.1, emissora que se auto-intitula participante do movimento de rádio livre, que envolve também a Rádio Pulga FM 105.3, também considerada clandestina pelas autoridades e que foi recentemente fechada dentro do campus da UFRJ, no Rio de Janeiro. Segundo a reportagem da Bandeirantes AM, estudantes da USP mantém a emissora dentro do campus da universidade, com o conhecimento dos funcionários da instituição. Ainda segundo a emissora paulistana a Várzea FM já possui mais de sete anos de operações e atua em 107.1 FM, tendo seu sistema irradiante visível por quem passa pela Cidade Universitária (Zona Oeste de São Paulo). A torre está direcionada ao centro da capital paulista e interfere no sinal da Eldorado Brasil 3000 FM 107.3 e da Nossa Rádio FM 106.9.

A rádio "Várzea FM" tem página na Internet, programação diária e, mesmo clandestina, funciona com o conhecimento de todos os responsáveis pela Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, na Cidade Universitária da USP. O mesmo conjunto de prédios da faculdade foi ocupado por estudantes. A invasão aconteceu na noite de quinta-feira, depois da prisão de três universitários que fumavam maconha seguida de um confronto entre PMs e alunos.

A matéria veiculada pela Bandeirantes AM por volta das 7h00 da manhã de hoje também foi ao ar em rede nacional através da BandNews FM. Segundo as rádios do Grupo Bandeirantes o consumo de drogas, que foi flagrado pelo Polícia Militar, é apenas uma das atividades "à margem da lei" praticas por alunos dentro do campus da USP. Recentemente a universidade se viu numa ampla discussão sobre a presença da força policial dentro do campus, após a ocorrência de vários assaltos e violência contra alunos na Cidade Universitária por parte de marginais.

Com base no plano de distribuição de canais em FM publicado pela Anatel (que indica as estações legalizadas e faixas de radiodifusão comunitária), a Rádio Várzea FM que opera dentro do campus estava fora da faixa destinada a radiodifusão comunitária de São Paulo (hoje em 87.5 FM), utilizando um canal adjacente ao de uma FM comercial legalizada que opera a menos de 10km da USP (no caso a Eldorado Brasil 3000, com torre localizada na região da Rua Heitor Penteado, Pompéia).

FONTE: TUDO RÁDIO